Logo - 100 anos da Semana de Arte Moderna de 22

programação

programação do governo do
estado de são paulo e outras iniciativas

Artes Visuais

Exposição "Antropofagia" nas Fábricas de Cultura da Zona Norte, Zona Sul e Diadema com obras de artistas locais refletindo sobre arte e a relação centro-periferia (janeiro a abril de 2022).

Exposição "Abaporu Periférico Mapeado" na Fábrica de Cultura de São Bernardo do Campo, com projeção mapeada de grafites (fevereiro de 2022).

Exposição "A Mostra de Fotografia que Não Houve na Semana de 22" na Casa Guilherme de Almeida, com imagens realizadas por fotógrafos da época da Semana de 22 (1 de dezembro de 2021 a 30 de julho de 2022).

Instalação "Modernismo Vivo" na Casa Guilherme de Almeida destacando obras, autores e artistas que participaram da Semana de 22 (8 de fevereiro a 30 de dezembro de 2022).

Exposição “Fantoches da Meia-Noite” na Casa Mário de Andrade, que mostrará o raro álbum de gravuras homônimo de Di Cavalcanti colorido à mão pelo artista (1 de julho de 2021 a 12 de fevereiro de 2022)

Exposição e programação cultural “Mário de Andrade - Eu sou 300, 350” no Museu Afro Brasil abordando cultura material, literatura, artes visuais, música e uma ambientação da São Paulo dos anos 20. Curadoria de Emanoel Araújo (25 de janeiro a julho de 2022).

Exposição "Candido Portinari, um Mestre da Pintura - Coletânea Virtual” no Museu Casa de Portinari, com tecnologia de realidade aumentada reunindo a vasta produção do pintor (13 de fevereiro a 22 de agosto de 2022 - Brodowski/SP).

Exposição “O Atelier de Brecheret'' no Museu Catavento, importante artista da Semana de 22 que teve seu ateliê de esculturas instalado no Palácio das Indústrias - atual sede do museu (janeiro a março de 2022)

Exposição “O Modernismo de John Graz” no Museu da Casa Brasileira em parceria com o Instituto John Graz, apresentando grande retrospectiva do designer suiço radicado no Brasil com projetos inéditos, fotografias, maquetes e objetos interativos. Curadoria de Guinter Parschalk e Baba Vacaro (abril a junho de 2022).

Exposição e debates "Modernismo Brasileiro, Design e Arquitetura – 1922 e Depois (?)" no Museu da Casa Brasileira, sobre o pioneirismo modernista de designers que atuaram no período da Semana de 22 e a continuidade desses ideais na produção contemporânea (1° trimestre de 2022).

Exposição virtual, webinar e mostra de filmes “Antropofagia: Múltiplos Olhares” organizada pelo Museu Índia Vanuíre, abordando a relação entre a cultura indígena, o movimento modernista e a produção de arte contemporânea (fevereiro a abril de 2022 - Tupã/SP).

Exposição “100 Anos Modernos” no MIS-SP, em parceria com a Bienal do Mercosul (fevereiro a maio de 2022).

Exposição imersiva e interativa “Portinari Por Todos” no MIS Experience (janeiro a junho de 2022).

Exposição e programação cultural “SP Vinte e Dois” no Museu da Língua Portuguesa sobre identidades nacionais e regionais na literatura, à luz do modernismo e da relação centro-periferia em São Paulo (abertura exposição 11 de junho / programação cultural fevereiro a setembro de 2022).

Exposição “A Arte Sacra dos Modernistas” no Museu de Arte Sacra de São Paulo, com obras de artistas modernistas criadas a partir da religiosidade e da fé. Curadoria Di Bonetti e Gilson Alcântara (25 de janeiro a 27 de março de 2022).

Exposição “O Modernismo e o Patrimônio” no Museu de Arte Sacra de São Paulo, sobre a relação entre modernismo e patrimônio no Brasil entre os anos 1920 e 1950. Com curadoria de Guilherme Wisnik (25 de setembro a 19 de novembro de 2022).

Exposição "Mário de Andrade e o Patrimônio Cultural Brasileiro” no Museu do Café, sobre Mário de Andrade, sua relação visceral com a preservação do patrimônio cultural brasileiro e com a elite cafeeira (1º semestre de 2022).

Exposição e programação cultural "De 1822 a 1922: Brasilidades em Campo" no Museu do Futebol (25 de janeiro a junho de 2022).

Exposição “Uma Semana + 100 Anos” no Palácio dos Bandeirantes e Palácio Boa Vista (Campos do Jordão), apresentando obras icônicas do modernismo brasileiro que revelam histórias, percursos estéticos e o contexto artístico, social e político antes, durante e depois da Semana de Arte Moderna de 1922 (abril a agosto de 2022)

Exposição “Acervo Modernista” na Pinacoteca de São Paulo, com obras de artistas modernistas do acervo da instituição (julho de 2021 a dezembro de 2022).

Exposição “A Máquina do Mundo” na Pinacoteca de São Paulo, com obras de artistas modernistas e contemporâneos e curadoria de José Augusto Ribeiro (06 de novembro de 2021 a 07 de fevereiro de 2022).

Exposição "Universo Pagu" na SP Escola de Teatro sede Brás, reproduzindo o período em que a artista Patrícia Galvão, a Pagu, estudou no local, hoje sede da instituição. Será exibido um exemplar de 1945 do livro “Poesias Reunidas”, de Oswald de Andrade, com dedicatória do autor (outubro de 2021 a fevereiro de 2022).

Exposição "Pau Brasil - Inspirações Modernistas" no Theatro São Pedro, apresentando fotos, manifestos, partituras e outros materiais de obras e autores ligados à Semana de Arte Moderna (6 de maio a 5 de junho de 2022).

Audiovisual

Série online de vídeos "Semana de 22 e o Modernismo" realizada pela Casa das Rosas com comentários, mini resenhas e dicas sobre o tema (janeiro a junho de 2022 - exibição quinzenal)

Série online de vídeos "Poemas Modernistas" realizada pela Casa das Rosas, com leituras de poemas modernistas e comentários feitos por autores contemporâneos (janeiro a junho de 2022 - exibição quinzenal).

Ciclo de cinema online "Cinema e Modernismo" organizado pela Casa Guilherme de Almeida, com exibições, palestras e debates sobre a importância da Semana de 22 para o cinema brasileiro (outubro de 2021 a março de 2022).

Ciclo de cinema "Cinema Novo e Novos Cinemas" na Oficina Cultural Oswald de Andrade, com exibição de filmes e debates sobre os modernistas e as influências do movimento na cinematografia e na arte brasileiras (primeiro semestre de 2022).

Série de interprogramas contagem regressiva "Inovação e Ruptura - 22, A Semana de um Século" com 24 episódios de 2 minutos mostrando fatos inéditos e curiosidades da Semana de 22 através do rico acervo de imagens da TV Cultura (setembro de 2021 a fevereiro de 2022 - periodicidade semanal).

Série documental "Modernistas" com 4 episódios de 30 minutos produzida pela TV Cultura, enfocando quatro dos principais nomes da Semana de Arte Moderna: Oswald de Andrade, Tarsila do Amaral, Mário de Andrade e Victor Brecheret (reapresentação de 01 a 04 de fevereiro de 2022).

Série documental inédita “A Semana que Ninguém Viu, mas o Brasil Jamais Esqueceu” com 5 episódios de 26 minutos produzida pela TV Cultura sobre a Semana de 22 e seus reflexos (exibição de 08 a 12 de fevereiro de 2022).

Animação infanto-juvenil inédita “22 Cem Anos Depois”, com 26 minutos de duração, produzida pela TV Cultura e Pinguim Content e com direção de Kiko Mistrorigo. Aborda os dias que precederam a Semana de Arte Moderna (estreia 12 de fevereiro de 2022).

Estreia do filme infantil “Tarsilinha” na TV Cultura, inspirado na obra de Tarsila do Amaral, produzido pela Pinguim Content com direção de Célia Catunda e Kiko Mistrorigo (exibição 12 e 13 de fevereiro de 2022).

Ciclo de cinema “Só a Antropofagia nos Une” na TV Cultura, com filmes brasileiros modernistas que ecoam a Semana de 22 (15 a 18 de fevereiro de 2022).

Dança

Ciclo de apresentações “Solos Brasileiros: uma Dança para Villa-Lobos” nas três Oficinas Culturais da Capital, com coreografias e experimentos cênicos criados a partir da obra "Bachianas Brasileiras" de Heitor Villa-Lobos (janeiro a fevereiro de 2022).

Temporada de apresentações "Pau Brasil – Inspirações Modernistas" da São Paulo Companhia de Dança e da Orquestra do Theatro São Pedro no Theatro São Pedro, com coreografias inspiradas em Villa-Lobos (23 de maio a 05 de junho de 2022).

Festivais / Eventos Multilinguagem

Festival online “Viva Vaia”, organizado pela Casa das Rosas, com performances que relembrarão ocasiões marcantes de vaia desde a Semana de 22 até a atualidade (5 e 6 de novembro de 2021).

Passeio educativo “A Semana de 22 Passou por Aqui”, uma ação da Rede de Museus-Casas Literários que visitará os principais endereços ligados à memória da Semana de 22 e terminará com uma projeção mapeada na Casa Mário de Andrade (13 de fevereiro de 2022).

Apresentação de performances e intervenções “Re-Manifesto” dos aprendizes da Fábrica de Cultura Capão Redondo, a partir de uma reflexão crítica e decolonial do modernismo e recriação do manifesto modernista através de uma perspectiva territorial e periférica (novembro de 2021).

Festival "22 Longe do Municipal" nas Fábricas de Cultura da Zona Leste e São Bernardo do Campo apresentando ações de graffiti, literatura e música em alusão à Semana de 22 (01 a 28 de fevereiro de 2022).

Festival online “Esquenta Moderno” organizado pelas Fábricas de Cultura da Zona Norte, Zona Sul e Diadema, com música, teatro, cinema, ciclo de debates, podcasts, oficinas e formação para arte educadores sobre a vanguarda modernista e os movimentos artísticos contemporâneos (julho a dezembro de 2021 na plataforma Mais Cultura https://poiesis.org.br/maiscultura/ ).

Apresentação de arte circense “Folias Modernas” dos aprendizes da Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, inspirada na Semana de 22 e no movimento circense do início do Século XX (novembro de 2021).

Espetáculo “Brasil 1922 a 2022” com projeção de imagens e repertório musical tocado ao vivo pela São Paulo Big Band no Memorial da América Latina e em seis cidades do interior de São Paulo: Sorocaba, São José do Rio Preto, Piracicaba, Santos, Bertioga e Guarulhos (agosto de 2021 a fevereiro de 2022).

Ocupação "A Semana que Durou um Século" no Memorial da América Latina, com exposição imersiva, intervenções urbanas, shows, teatro e gastronomia (janeiro a março de 2022).

Festa literária "Lingua SP” no Museu da Língua Portuguesa, com literatura, gastronomia, moda, artes plásticas, tecnologia e música com temática alusiva à Semana de Arte de 22 e seus protagonistas (16 e 17 de julho de 2022).

Sarau "Semana de Arte Moderna" no Museu do Café e Sesc Santos, com palestras, leituras, apresentações musicais e oficinas abordando as premissas da Semana de 22, a construção da identidade paulista gerada pela oligarquia cafeeira e os reflexos na contemporaneidade (11 a 18 de fevereiro - Santos/SP).

Festival "Teatro de Vanguarda" na Oficina Cultural Oswald de Andrade, com espetáculos, debates e oficinas sobre a diversidade do teatro contemporâneo em consonância com o movimento modernista de 22 (janeiro de 2022).

Projeto "100 Anos da Semana de Arte Moderna" da Rádio Cultura FM, com produção de conteúdos inéditos, cobertura jornalística e entrevistas nos programas "Estação Cultura" e "De Volta para Casa" (julho de 2021 a dezembro de 2022).

Literatura

Batalha de poesia "Slam de 22” na Biblioteca de São Paulo, com oficinas preparatórias e uma apresentação durante o centenário da Semana de 22 (outubro de 2021 a fevereiro de 2022).

Roda de Conversa “Semana de Arte Moderna de 1922” na Biblioteca de São Paulo e na Biblioteca Parque Villa Lobos, sobre o centenário do evento e suas reverberações na atualidade (outubro de 2021 a fevereiro de 2022).

Edição especial da revista "Grafias", editada pela Casa das Rosas, sobre o legado da Semana de 22 na literatura contemporânea (lançamento 26 de novembro de 2021).

Reedição ampliada do raro livro de Mário de Andrade "O Movimento Modernista", organizado pela Casa Mário de Andrade (Lançamento em 27 de fevereiro de 2022).

Série de slams "A Contribuição Milionária de Todos os Erros" na Casa das Rosas, a partir de uma releitura da tradição modernista (15 de janeiro a dezembro de 2022).

Série de contação de histórias "Contações de 22" sobre autores modernistas, nas Fábricas de Cultura da Zona Leste e São Bernardo do Campo (julho de 2021 a fevereiro de 2022).

Música

Série de apresentações "Palco Aberto, Legado de 22" no Auditório Cláudio Santoro, com espetáculos de dança, teatro e concertos que celebram a Semana de 22 e sua repercussão (fevereiro a março de 2022 - Campos do Jordão/SP).

Apresentação musical “A Banda do Villa” no Conservatório de Tatuí, com bandas sinfônicas do Conservatório de Tatuí e do Projeto Guri apresentando obras inéditas a partir de partituras restauradas de Villa-Lobos (fevereiro 2022 - Tatuí/SP)

Concerto "Obras Corais do Villa" no Teatro do Conservatório de Tatuí, com apresentação dos coros do Conservatório de Tatuí e do Projeto Guri baseados no repertório de Villa-Lobos e de outros compositores modernistas (outubro de 2022 - Tatuí/SP).

Ciclo de concertos "Compositores do Modernismo e seus Herdeiros" no Teatro do Conservatório de Tatuí (Tatuí), Teatro Paulo Roberto Lisboa (Presidente Prudente) e Teatro Polytheama (Jundiaí) com grupos artísticos e de referência do Conservatório de Tatuí e Projeto Guri apresentando obras modernistas (novembro de 2022).

Apresentação musical "Mário de Andrade e a Missão de Pesquisas Folclóricas" no Teatro do Conservatório de Tatuí, com grupos artísticos do Conservatório de Tatuí, do Projeto Guri e grupos de tradição popular convidados (novembro de 2022 - Tatuí/SP).

Série de apresentações “Revirada Musical - Ares de 22” dos grupos da EMESP Tom Jobim no Theatro São Pedro e na EMESP Tom Jobim, com inspiração na Semana de Arte Moderna de 1922 e no modernismo (20 a 25 de setembro de 2021).

Série de concertos e apresentações musicais “Parcerias Modernistas” dos grupos artísticos da EMESP Tom Jobim e do Projeto Guri na Pinacoteca de São Paulo e no Museu de Arte Sacra de São Paulo (agosto a dezembro de 2022).

Apresentação musical "Semana de 22: Outros Acordes” da Orquestra de Cordas Dedilhadas do Jaçanã e convidados na Fábrica de Cultura Jaçanã, com repertório inspirado no ponto de vista do negro, do índio e dos movimentos populares, provocando uma reflexão sobre as diferentes narrativas da Semana de 22 (novembro de 2021).

Concerto "Villa-Lobos em Cordas e Funk" na Fábrica de Cultura Sapopemba, com apresentação da Orquestra de Cordas das Fábricas de Cultura da Zona Leste e intervenção de MCs de Funk (29 de setembro de 2021).

Apresentação musical “De 22 a 22: Uma Viagem Musical” dos aprendizes de Trilha Conjunto de Cordas e do Ateliê Prática de Banda da Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, com releitura de obras da época da Semana de 22 e de outros artistas modernistas (novembro de 2021)

Apresentação musical "Um Retrato da Música da Época: Chiquinha Gonzaga e a Vanguarda Musical" nas Fábricas de Cultura da Zona Norte, Zona Sul e Diadema, com releitura de obras do período pré-modernista por musicistas periféricas do movimento vanguardista paulistano contemporâneo (agosto a outubro de 2021).

Concerto “Jazz Sinfônica, a Semana de Arte Moderna e o Museu do Café" da Brasil Jazz Sinfônica no Museu do Café, apresentando repertório do movimento tropicalista que teve como principal influência a Semana de Arte Moderna (fevereiro 2022 - Santos/SP)

Concerto no Carnegie Hall, em Nova Iorque, com obras de Villa-Lobos, execução pela Osesp e regência de Marin Alsop (14 de outubro de 2022).

Série "Modernismo na Música Brasileira" concerto para violão e orquestra de Francisco Mignone, com execução pela Osesp na Sala São Paulo, regência de Neil Thomson e como solista Fábio Zanon (09, 10 e 11 de setembro de 2021).

Série "Modernismo na Música Brasileira", concerto n. 2 para violoncelo e orquestra de Heitor Villa-Lobos com execução pela Osesp na Sala Paulo, regência de Isaac Karabtchevsky e como solista Antonio Meneses (23, 24 e 25 de setembro de 2021).

Série Concertos a Preço Popular “Maratona Modernista” na Sala São Paulo, com cinco apresentações de autores do modernismo junto aos vencedores do Concurso Jovens Solistas acompanhados pela Osesp e regência de Neil Thomson (março a dezembro de 2022).

Série de concertos “Clássicos Modernistas”, com a execução pela Osesp na Sala São Paulo de 100 obras de compositores influenciados pelo modernismo (março a dezembro de 2022).

Show "Novas Pagus" na SP Escola do Teatro sede Roosevelt, com cantoras da nova geração como Ana Cañas, Anná, Maíra Baldaia, Bia Nogueira e Linn da Quebrada que dialogam com a liberdade da mulher da Semana de 22 (1º de fevereiro de 2022).

Série de apresentações “Poéticas Brasileiras - Semana de 22” no Theatro São Pedro, com música de câmara inspirada no modernismo e nos desdobramentos do movimento (setembro de 2022).

Seminários / Palestras / Cursos e Oficinas

Série de debates online "Do Modernismo à Pós-Utopia" organizado pela Casa das Rosas, que discutirá desde o primeiro movimento de vanguarda brasileiro até o atual movimento de saraus de periferia (6 de outubro de 2021 a março de 2022).

Ciclo de palestras online “Guilherme de Almeida em Cena”, organizado pela Casa Guilherme de Almeida, sobre a Semana de 22 e o movimento modernista tendo como referência a palestra histórica do poeta “Revelação do Brasil pela Poesia Moderna” (8, 9 e 10 de julho de 2021).

Ciclo de debates "Antropofagia e Tradução" na Casa Guilherme de Almeida, sobre o pensamento antropofágico de Oswald de Andrade nas teorias da tradução contemporâneas (dias 6 de abril e 11 de maio de 2022).

Ciclo de palestras online "Semana Século" organizado pela Casa Mário de Andrade, sobre temas históricos e contemporâneos envolvendo estética visual modernista, literatura, cinema, música e os artistas da Semana de 22 (setembro de 2021 a agosto de 2022).

Curso "Modernismo Musical Pós-Semana de 22" na Casa Mário de Andrade, sobre os principais eventos do modernismo musical e o legado de Mário de Andrade na área da educação musical (março a abril de 2022).

Concurso de violão e piano "Revisitando o Modernismo" no Teatro do Conservatório de Tatuí, voltado para obras do período modernista (setembro de 2022).

Oficina e intervenção urbana "Grafitti Moderno" nas Fábricas de Cultura Jardim São Luís, Vila Nova Cachoeirinha e Diadema, com releituras de obras modernistas a partir do atual movimento da arte urbana (agosto a outubro de 2021).

Ciclo de debates "Modernismo e Arte Periférica" nas Fábricas de Cultura da Zona Norte, Zona Sul e Diadema, envolvendo estéticas revolucionárias, ideologia racial e outros temas que fomentam a reflexão sobre os movimentos marginais sob a ótica do pensamento antropofágico (agosto a outubro de 2021).

Cursos "Trilhas Modernistas" nas linguagens das artes visuais, música, dança e tecnologia 4.0 com enfoque na arte modernista, nas Fábricas de Cultura da Zona Leste e em São Bernardo do Campo (outubro e novembro de 2021)

Webinário "Censura e Produções Artísticas" organizado pelo Memorial da Resistência de São Paulo, sobre o revolucionário contexto da Semana de Arte Moderna de 1922, os impactos das proposições estéticas do período e as relações entre instituições culturais, produções artísticas e censura (24 de março de 2022).

Fórum público "A Semana de 22 Cem Anos Depois" no Museu Casa de Portinariem parceria com o SISEM-SP, sobre temas centrais da Semana de Arte Moderna e sua correlação nos dias atuais (13 a 17 de fevereiro de 2022).

Seminário online “VI Encontro de Museus-Casas Literários - Museu e Modernidade” organizado pela Rede de Museus-Casas, sobre a concepção e o papel dos museus desde Mário de Andrade até o contexto atual (29, 30 e 31 de julho de 2021).

Ciclo de palestras online "Conversas Abertas" organizado pelos Museus-Casas, com autores e estudiosos negros e indígenas sobre arte e identidade nacionais, antes e após o modernismo (janeiro a agosto de 2022 - periodicidade mensal).

Seminário “Migração, Culturas e Debates: a Semana de Arte Moderna de 1922” no Museu da Imigração, sobre os processos migratórios e artísticos em torno da Semana de 22 (10 e 11 de fevereiro de 2022).

Seminário "O Centenário da Semana de Arte Moderna e a Modernidade no Século XXI" organizado pelo Museu de Arte Sacra de São Paulo com curadoria de Vanessa Beatriz Bortulucce sobre poética pictórica, mulheres na Semana de 22, modernismo hoje, entre outros temas (agosto de 2021 a maio de 2022 - frequência mensal aos sábados com transmissão online).

Série de debates "Diálogos Imersivos - O Moderno na Arte Brasileira" no Museu Felícia Leirner, sobre o legado e a repercussão da Semana de 22 na arte brasileira a partir da obra de Felícia Leirner e dos temas correlatos ao museu (fevereiro de 2022 - encontros semanais às quintas-feiras - Campos do Jordão/SP).

Programa de formação "Semana de Arte Moderna" realizado pela Oficinas Culturaisno Interior, abordando conteúdos relacionados à Semana de 1922 voltados a professores da rede pública de ensino do Estado de São Paulo (segundo semestre de 2021 a primeiro semestre de 2022).

Seminário “Pau Brasil - Improvisações Modernistas” na Oficina Cultural Oswald de Andrade, com mesas redondas, workshops e improvisações de dança e música. Palestra de abertura com Marília de Andrade, filha do Oswald de Andrade (20, 21 e 22 de maio de 2022).

Ciclo de oficinas "Didática da Encenação" na Oficina Cultural Oswald de Andrade, e montagem do espetáculo "A Morta", de Oswald de Andrade (segundo semestre de 2022).

Programa de residência artística e apresentação de performances "Teatro Modernista" na sede da SP Escola de Teatro sede Roosevelt e Praça Roosevelt, com artistas e coletivos teatrais que possuem em seu DNA influência do modernismo brasileiro (julho de 2021 a fevereiro de 2022 - periodicidade mensal).

Congresso "Antropofágico" na SP Escola de Teatro sede Roosevelt, com especialistas de todo o Brasil para debater a Semana de Arte Moderna de 1922 (julho de 2021 a fevereiro de 2022 - periodicidade mensal).

Webinário “Bibliotecas Brasileiras - Uma Releitura para o Século XXI” organizado pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de São Paulo - SisEB, com base no texto do bibliotecário modernista Rubens Borba de Moraes e as perspectivas para as bibliotecas públicas hoje (Outubro de 2021).

Seminário “100 Anos da Semana de 22” no Teatro Sérgio Cardoso, realizado em parceria com a Academia Paulista de Letras e exibição na plataforma #CulturaEmCasa (julho de 2021 a fevereiro de 2022).

Palestra “Legados Modernistas - Brasil, que música é essa?” a ser realizada na abertura da Revirada Musical 2021 noTheatro São Pedro, sobre os desdobramentos da Semana de 22 e do modernismo ao longo do último século (setembro de 2021).

Teatro

Performance cênica "O Centenário da Semana de 22" apresentada pelo Coletivo de ex-aprendizes Zéfiro Norte nas Fábricas de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, Brasilândia e Jaçanã, inspirada nos debates políticos e estéticos dos artistas que criaram o movimento modernista brasileiro (agosto a outubro de 2021).

Ciclo de leituras dramáticas "Modernistas na Mesa" na Oficina Cultural Oswald de Andrade, com obras clássicas e contemporâneas de dramaturgos que tratam o modernismo em seus textos (abril a junho de 2022).

Série de apresentações "Festim Antropofágico Revisitado" dos estudantes da SP Escola de Teatro na Praça Roosevelt reproduzindo a performance em que o palhaço Piolin era simbolicamente devorado pelos modernistas (13 a 18 de fevereiro de 2022).

Ciclo de leituras dramáticas "Leituras Modernistas" na SP Escola de Teatro sedes Roosevelt e Brás, com estudantes e artistas convidados e textos literários e teatrais do cânone modernista (julho de 2021 a fevereiro de 2022 - periodicidade mensal).