@culturasp - secretaria da cultura do estado de são paulo

UMA SECRETARIA PARA TODOS

Publicado em 20 de julho de 2017

Desde abril à frente da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, é com satisfação que já observo alguns resultados do trabalho desenvolvido nesses três meses. O principal deles é a certeza do diálogo e da proximidade com quem trabalha na cultura: artistas de todas as áreas, técnicos, produtores e gestores.

É uma grande e prazerosa responsabilidade dar continuidade a diversas políticas que fomentam e incentivam a produção cultural, como editais, prêmios, museus e bibliotecas na Capital e no interior, além de teatros e corpos artísticos da mais alta qualidade, como a Osesp, nossa Orquestra Sinfônica, sediada na Sala São Paulo. Vários projetos levam apresentações gratuitas a todo o Estado, como a Virada Cultural Paulista, em que a participação de artistas locais dos municípios atendidos é estimulada. A Secretaria também tem uma série de ações de proteção e valorização do nosso Patrimônio Histórico.

Impossível não citar ações importantíssima de inclusão social, como as Fábricas de Cultura, localizadas em bairros com alto índice de vulnerabilidade juvenil na Capital, e o Projeto Guri, maior programa sociocultural brasileiro, que oferece formação musical gratuita a crianças e adolescentes no contraturno escolar, em mais de 300 municípios. E não podemos esquecer das políticas para promoção da igualdade de direitos e de respeito à diversidade, como a Assessoria de Cultura para Gêneros e Etnias, que inclui o Museu da Diversidade Sexual.

Nesses três meses, já recebi na Secretaria prefeitos de diversos municípios, de todas as regiões do Estado, bem como secretários municipais de Cultura. Essa iniciativa reforça a prática do diálogo que falei anteriormente e nosso vínculo com o interior paulista. Cada reunião nos traz informações de realidades e necessidades diversas, que procuramos sempre atender da melhor forma possível, ainda que a crise financeira do país, neste momento, não nos permita fazer tanto quanto gostaríamos e sabemos ser a Cultura merecedora.

No sentido de ampliar a integração das ações da pasta com o interior, também promoveremos o Encontro de Dirigentes de Cultura do Estado de São Paulo, no dia 27 de julho. Vamos reunir dirigentes municipais para debater a integração e a difusão da política cultural do Estado. Será um momento para os municípios dialogarem conosco e conhecerem nossos programas, para que nossas ações cheguem ao maior número possível de cidades.

Seguimos em frente, afirmando que esta Secretaria está aberta a todas as manifestações culturais, da ópera ao samba; do teatro à literatura; do circo à dança. Porque a Cultura deve e deverá sempre falar com todos!

José Luiz Penna  – Secretário da Cultura do Estado de São Paulo.

Compartilhe!