@culturasp - secretaria da cultura do estado de são paulo

teatro

Oficina Cultural Oswald de Andrade apresenta espetáculos gratuitos

As peças abordam temas como fundamentalismo religioso, as imposições do machismo na vida das mulheres e a vida do dramaturgo alemão Heiner Müller

(mais…)

Mostra de Artes Cênicas do Conservatório de Tatuí apresenta oito espetáculos gratuitos

As peças serão encenadas de 30 de novembro a 03 de dezembro no Teatro Procópio Ferreira, às 15h00 e 20h00

(mais…)

Na Brasilândia, peça discute racismo, violência e trabalho na metrópole

Em curtíssima temporada, a Fábrica de Cultura da Brasilândia apresenta a peça “Cidade de pedras, corpo em ruínas”, dentro da programação do Projeto Espetáculo. A peça estreou no último dia 23 e terá apresentações até domingo (mais…)

Fábrica de Cultura da Brasilândia promove espetáculo sobre Luiz Gonzaga encenado por idosos

Peça com aprendizes do Núcleo de Convivência de Idosos Coração Materno conta a história de um dos mais importantes músicos brasileiros (mais…)

Espetáculo narra a história da escritora Conceição Evaristo na Oficina Cultural Alfredo Volpi

O trabalho tem trilha sonora ao vivo, unindo literatura e música (mais…)

“Capão Palace”: teatro na Fábrica de Cultura Capão Redondo!

Peça teatral discute especulação imobiliária no Capão Redondo.

(mais…)

Projeto Espetáculo: teatro nas Fábricas de Cultura

Os espetáculos são produzidos por jovens da periferia

(mais…)

MIS traz espetáculo multimídia Cineópera Contemporânea HawwwaH em novembro

A apresentação, que une teatro, cinema e música, tem como pano de fundo o uso da internet, que é discutido/espelhado cenicamente por meio de diversas pequenas histórias sobrepostas (mais…)

Projeto Espetáculo: jovens da periferia apresentam suas criações nas Fábricas de Cultura

Os espetáculos teatrais abordam temas como intolerância religiosa, desigualdades sociais, homofobia, machismo, racismo e transfobia

Oferecer a vivência de todas as etapas da montagem de um espetáculo – roteiro, iluminação, sonorização, cenário e atuação – é a proposta do Projeto Espetáculo, programa que integra as atividades das Fábricas de Cultura das zonas norte e sul, instituições da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciadas pela Poiesis.

A edição de 2017 buscou inspiração no mito de Arcádia, terra em que o amor seria possível como espaço irrestrito e comum, partindo da relação entre experiência subjetiva (amor e suas facetas) e território (espaços ocupados na cidade). O resultado final são cinco espetáculos, apresentados entre 08 e 26 de novembro nas Fábricas de Cultura Brasilândia, Capão Redondo, Jaçanã, Jardim São Luís e Vila Nova Cachoeirinha.

O projeto é uma produção conjunta entre adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos, orientados por educadores e diretores. A dramaturgia é construída coletivamente. Logo, os aprendizes desenvolvem os roteiros a partir de suas experiências, ideais e visões de mundo. Os trabalhos de iluminação, produção, cenografia, figurino são realizados com a participação ativa e envolvimento de todos os participantes. “No programa desse ano, partimos do princípio que, para compreender o sentimento amoroso como expressão de cada sujeito, é necessário compreender também o território social que o delimita, expande ou redime”, conta Ivan Delmanto, um dos orientadores artísticos do Projeto Espetáculo 2017. (mais…)

Prêmio Mario Covas destaca iniciativas de gestão pública em benefício dos cidadãos

24 trabalhos finalistas participam da 12ª cerimônia de entrega do Prêmio, que acontece no Theatro Municipal  (mais…)

Theatro São Pedro apresenta a ópera Don Giovanni, de Mozart

Montagem reúne alguns dos mais importantes cantores líricos do país e estreia no próximo dia 28; produção terá outras quatro récitas em 30 de outubro, 1, 3 e 5 de novembro, com ingressos de R$30 a R$ 80

No fim do mês, o Theatro São Pedro apresenta sua segunda montagem neste semestre, desta vez com uma obra do século XVIII: a ópera Don Giovanni, escrita pelo compositor austríaco Wolfgang Amadeus Mozart em parceria com o italiano Lorenzo da Ponte. Sob regência do maestro convidado Cláudio Cruz e direção cênica de Mauro Wrona, a estreia será no sábado, 28 de outubro, às 20h00. Depois, serão mais quatro récitas em 30 de outubro, 1 e 3 de novembro, no mesmo horário, e a última no dia 5, mais cedo, às 17h00. Os ingressos custam entre R$ 30 e R$ 80.

Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e sob a gestão da Santa Marcelina Cultura, o Theatro São Pedro apresenta uma nova produção da ópera também dirigida por Wrona, no mês passado, no Festival do Theatro da Paz, em Belém. A montagem paulistana traz outro elenco e reúne cantores que representam a boa geração de profissionais líricos do país, como o barítono Leonardo Neiva no papel título e a soprano Rosana Lamosa, que faz Donna Anna, por exemplo.

Composta por dois atos, Don Giovanni é definida como um drama giocoso, por misturar comédia e drama e estreou no Teatro Nacional de Praga, em 1787. Com libreto escrito por Da Ponte, é um dos títulos mais encenados pelo mundo e considerada uma obra-prima. Conta a história de Don Giovanni, um conquistador nato e individualista, movido por seu instinto e que não mede esforços para alcançar seus objetivos. Em uma época em que liberalismo político e liberdade sexual estavam entrelaçados, Don Giovanni atua, assim, de maneira subversiva ao abordar as aventuras sexuais do personagem.

A Orquestra do Theatro São Pedro estará sob a batuta de Cláudio Cruz, atual diretor musical da Orquestra Jovem do Estado de São Paulo e reconhecido com sólida carreira artística, como músico de orquestra e grupo de câmara e regente convidado das principais sinfônicas do Brasil, América do Sul, Europa e Japão. A direção cênica é de Mauro Wrona, que há vinte anos dirige espetáculos operísticos, incluindo o Festival de Belém (PA), onde está desde 2011. Nicolás Boni assina a cenografia, os figurinos são de Fábio Namatame e a iluminação de Caetano Vilela.

Para o maestro Cláudio Cruz que regeu Don Giovanni em 2005, em Campinas, e ainda como spalla foi o convidado para tocar na montagem que o Theatro Municipal de São Paulo apresentou em 1995, trata-se de uma obra referencial. “São árias lindíssimas que exigem grande preparo vocal dos cantores e atenção ao equilíbrio com a orquestra e posso afirmar que essa combinação está em sintonia com o ótimo elenco que conseguimos reunir para essa montagem”, comenta Cruz.

(mais…)

Setor de Artes Cênicas do Conservatório de Tatuí promove ensaios abertos de 11 peças teatrais

Boa oportunidade para o público conhecer os bastidores e as diferentes etapas de criação e montagem dos espetáculos

Quem gosta de teatro e tem curiosidade de ver como as peças são produzidas não pode perder os ensaios abertos que serão realizados pelo Setor de Artes Cênicas do Conservatório de Tatuí a partir desta quarta-feira, dia 18. Alunos de diferentes cursos preparam 11 espetáculos e, até o final de novembro, o público poderá acompanhar todo o processo de criação e montagem dessas peças, com entrada gratuita. O Conservatório de Tatuí é uma instituição do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura do Estado.

De acordo com a coordenadora do Setor de Artes Cênicas, Fernanda Mendes, a ideia é permitir que a plateia conheça os bastidores de uma produção teatral. “São várias etapas e vários ensaios. Então, alguns terão atores em cena, outros apenas produção musical; alguns com trechos de peça, outros com peças completas. O público poderá acompanhar os bastidores e a evolução da montagem”, afirma.

(mais…)

Mário de Andrade – 124 anos!

Casa Mário de Andrade comemora aniversário do seu patrono com apresentações de teatro, música e dança (mais…)

Orientação artística para grupos de teatro e dança no interior de São Paulo

O programa convida grupos, companhias e artistas orientadores e estudantes do interior paulista para participarem do processo de seleção (mais…)

Circuito Cultural Paulista chega a 102 cidades em setembro

Serão mais de 50 espetáculos gratuitos em cidades do interior, litoral e Grande São Paulo (mais…)