secretaria da cultura do estado de são paulo

parque da juventude

Biblioteca de São Paulo recebe escritor Evandro Affonso Ferreira e promove Virada Sustentável

A Biblioteca de São Paulo, da Secretaria da Cultura do Estado, gerida pela Organização Social SP Leituras, recebe o escritor Evandro Affonso Ferreira no Segundas Intenções, bate-papo com autores que será realizado em 25 de agosto, das 11h às 13h, no auditório. E essa é só uma das atividades programadas para o mês. Entre os destaques da programação consta também a Virada Sustentável, que promoverá oficinas e contações de histórias sobre sustentabilidade nos dias 25 e 26 de agosto.

Domingo no Parque, que leva para o Parque da Juventude atividades realizadas normalmente dentro da biblioteca, está marcado para o dia 5 de agosto. O evento tem o Lê no Ninho (11h30 às 12h15) para as famílias com crianças entre seis meses e 4 anos e sessões de contação de histórias com a Cia. Mapinguary (das 12h15 às 16h), para todos os públicos.

Hora do Conto chega com contação de histórias promovidas pela equipe BSP sempre sextas-feiras, às 15h, e domingos, às 16h, com grupos convidados: Mirela Estelles e Amarilis Reto (com interpretação em Libras) no dia 5; Cia do Tok Tok, no dia 12; Cia. Sá Totonha, no dia 19; e o grupo Conte com Elas, no dia 26.

Luau, com música e literatura, tem espaço guardado para as quintas-feiras, das 12h30 às 13h30. Por sua vez, o Sarau está marcado para dia 19, das 14h30 às 16h30. Já o Clube de Leitura traz como tema central em agosto, no dia 23, o livro “Mar de papoulas”, de Amitav Ghosh, das 15h às 17h.

Quem quer aprender Libras tem oportunidade por aqui: as inscrições para o Curso de Libras – Módulo Básico estarão abertas a partir de 1º de agosto no www.bsp.org.br/inscricao. As aulas serão realizadas no período entre 15 de agosto e 26 de setembro, às quartas-feiras, das 14h às 17h30. Quem busca atividades relacionadas ao empreendedorismo terá a Oficina de Doces Finos para Festas, nos dias 11 e 12 de setembro, com inscrições abertas a partir de 21 de agosto, também no www.bsp.org.br/inscricao.

Confira a programação completa:

INFANTIL

HORA DO CONTO – Contação de histórias da literatura infantojuvenil, para aguçar o hábito da leitura e a imaginação das crianças. Não é necessário fazer inscrição.

Sextas-feiras, às 15 horas. Com equipe BSP.

Domingos, às 16 horas.

5 – Como nasceu o rio Amazonas e a vitória-régia, de Arlete Piai. Com interpretação em Libras. Com Mirela Estelles e Amarilis Reto.

12 – Menina bonita do laço de fita, de Ana Maria Machado. Com a Cia. do Tok Tok.

19 – Dona Labismina, recontado por Silvio Romero. Com a Cia. Sá Totonha.

26 – A princesa sabichona, de Babette Cole. Com Conte com Elas.

 

BRINCANDO E APRENDENDO – Programa que reúne intervenções, jogos teatrais, atividades rítmicas e brincadeiras educativas. Quartas-feiras, das 15 às 16 horas. Com equipe BSP. A partir de 7 anos. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

PINTANDO O 7 – Atividade para pintar, desenhar, colar e criar, inspirada em temas literários, ecológicos e culturais, desenvolvendo assim as capacidades artísticas e criativas das crianças. Quintas-feiras, das 15 às 16 horas. Com equipe BSP. A partir de 6 anos. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

LÊ NO NINHO – Atividade de estímulo e iniciação à leitura para crianças entre 6 meses e 4 anos, realizada com livros lúdicos, tablet, contação de histórias e músicas. Pais e responsáveis podem, ao fim, emprestar os kits utilizados, com dois livrinhos e um fantoche, e reproduzir a experiência em casa. Sábados, das 11 às 11h45. Domingos, das 11h30 às 12h15.  *No dia 5, a atividade acontecerá no Parque da Juventude, dentro do programa Domingo no Parque. Com equipe BSP. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

JOVEM

LUAU BSP – O programa apresenta aos jovens temas relacionados à música, literatura, poesia, atualidade e espaço para apresentações artísticas. A partir de 13 anos. Quintas-feiras, das 12h30 às 13h30. Com equipe BSP.  Não é necessário fazer inscrição.

 

ADULTO

CLUBE DE LEITURA – Todos os meses, a BSP seleciona um livro e propõe a discussão de detalhes da história com os leitores da obra, incentivando assim o encontro de pessoas, o debate literário e o hábito da leitura. Quinta-feira, dia 23, das 15 às 17 horas. Livro: Mar de papoulas, de Amitav Ghosh. Com equipe BSP. Não é necessário fazer inscrição.

 

SEGUNDAS INTENÇÕES – Bate-papo com Evandro Affonso Ferreira. Mediação: Manuel da Costa Pinto. Sábado, dia 25, das 11 às 13 horas. Não é necessário fazer inscrição.

 

SARAU NA BSP – Literatura, canto e poesia. Com o Grupo de Poetas Cantores e Declamadores Independentes de São Paulo.  Domingo, dia 19, das 14h30 às 16h30. Coordenação de Terezinha Rocha. Não é necessário fazer inscrição.

 

TODOS OS PÚBLICOS

JOGOS SENSORIAIS – Divertida experiência lúdica que estimula as habilidades sensoriais e a memória, com jogos e brincadeiras para pessoas com e sem deficiência. Terças-feiras, das 15 às 16 horas. Com equipe BSP. A partir de 11 anos.

Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

LEITURA AO PÉ DO OUVIDO – Frequentadores da biblioteca são convidados a ouvir a leitura de trechos de livros, podendo conhecer assim novos autores, títulos e assuntos. Sextas-feiras, das 16h30 às 17 horas. Com equipe BSP.  Não é necessário fazer inscrição.

 

JOGOS PARA TODOS! Oficina de xadrez – Os participantes aprendem as regras, os movimentos das peças e algumas táticas do xadrez, além de disputar partidas. Pessoas com deficiência visual dispõem de tabuleiros adaptados. Sábados, dias 11 e 18, das 11 às 13 horas. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

DOMINGO NO PARQUE – Domingo, dia 5, no Parque da Juventude. 11h30 às 12h15 – Sessões do programa Lê no Ninho, com equipe BSP. 12h15 às 16h – Espaço de leitura para toda a família com sessões de contação de histórias com a Cia. Mapinguary. Não é necessário fazer inscrição. Em caso de chuva, a atividade será realizada dentro da biblioteca. Atenção: nos dias 12, 19 e 26 de agosto, o programa Lê no Ninho será realizado dentro da BSP.

 

SALA DE VIDEOGAMES – A BSP oferece aos seus frequentadores mais uma opção de diversão, uma sala equipada com videogame, com os jogos mais legais do momento. De terça a sexta, das 9h30 às 18 horas. Aos sábados, domingos e feriados, das 10 às 18 horas. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

VIRADA SUSTENTÁVEL – Sábado e domingo, dias 25 e 26 de agosto. Com oficinas e contações de história sobre Sustentabilidade. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

 

PONTOS MIS – Sabia que aqui na BSP tem até sessão de cinema? Em parceria com o Museu da Imagem e do Som (MIS), o programa promove a exibição de filmes e a formação de plateias. Não é necessário fazer inscrição. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada.

SESSÃO ADULTO, quartas-feiras, às 10 horas. Saneamento básico, o filme (dir. Jorge Furtado, Brasil, 2007, 1h52, português, comédia, 14 anos, elenco: Bruno Garcia, Camila Pitanga, Fernanda Torres, Janaína Kremer, Lázaro Ramos, Paulo José, Tonico Pereira, Wagner Moura). Sinopse: Os moradores de uma pequena vila na serra gaúcha reúnem-se para discutir sobre a construção de uma fossa para o tratamento do esgoto. Ao fazer o pedido junto à subprefeitura, eles descobrem que a única verba disponível são R$ 10 mil reais para a produção de um vídeo. Surge então a ideia de gravar um filme estrelado por um mostro que vive nas obras de construção da fossa.

SESSÃO INFANTIL, sextas-feiras, às 15h30.  Minhocas, o filme (dir. Paolo Cont e Arthur Nunes, Brasil/Canadá, 2013, 1h20min, português, animação/ aventura, livre, elenco: Gabriel Bijos, Daniel Boaventura e Fabienne Carat). Sinopse: Júnior está entrando na pré-adolescência e enfrentando uma crise existencial. Cavado acidentalmente para fora da terra e levado a um lugar distante, ele vive uma incrível aventura com seus novos amigos, Nico e Linda. Entretanto, antes de encontrar um jeito de voltar para casa, ele terá de impedir os planos de dominação de um terrível tatu-bola.

 

DE OLHO NAS INSCRIÇÕES

CURSO DE LIBRAS – MÓDULO BÁSICO – Indicado para quem deseja iniciar o estudo da Língua Brasileira de Sinais, com o objetivo de ampliar as possibilidades de comunicação e interação social e profissional com surdos. Aulas ministradas com professor ouvinte e surdo, metodologia bilingue Libras-português. Carga horária: 24h30. Indicado para pessoas acima de 16 anos. Quartas-feiras, das 14h às 17h30. Do dia 15 de agosto a 26 de setembro. Com Thalita Passos e Samuel Ferreira.

Inscrições: a partir do dia 1º de agosto, pelo link www.bsp.org.br/inscricao

 

EMPREENDEDORISMO – OFICINA DE DOCES FINOS PARA FESTAS – Neste módulo demonstrativo, o aluno aprende a montar um cardápio variado de docinhos finos para atender o mercado de casamentos, noivados, bodas e eventos em geral. A oficina mostrará o passo a passo de diversas receitas e dará dicas de finalização e conservação do produto, além de controle de movimentações financeiras. O aluno leva ainda um material impresso com as receitas vistas em aula e uma planilha para calcular corretamente o preço e obter lucro com a venda. Dias 11 de setembro, das 10 às 17 horas, e dia 12 de setembro, das 13 às 17 horas.  Com a chef confeiteira Danielle Trolezi e equipe Sebrae-SP.  Carga horária: 10 horas. A partir de 16 anos. Inscrições: a partir de 21 de agosto, pelo link www.bsp.org.br/inscricao.

Biblioteca de São Paulo – Parque da Juventude – Av. Cruzeiro do Sul, 2.630, Santana, São Paulo (SP) (ao lado da Estação Carandiru do Metrô) Tel.: 11 2089 0800. https://bsp.org.br/

Secretaria da Cultura do Estado – Assessoria de Imprensa

Stephanie Gomes | (11) 3339-8243 | stgomes@sp.gov.br

Bete Alina | (11) 3339-8164 | betealina.culturasp@gmail.com

Conheça os novos projetos culturais e a campanha ambiental do GovernoSP!

As secretarias de Estado da Cultura e do Meio Ambiente lançam, no dia 4/7, quarta-feira, às 10h, no auditório da Biblioteca de São Paulo, os projetos SP Cultura no Parque e SP Circo no Parque, e a campanha #SOMOSPRIMATAS.

Cultura – No evento serão assinadas as resoluções criando  dois programas culturais que terão inscrições abertas nas próximas semanas.  O objetivo das ações culturais é valorizar a apresentação cultural, artística e circense em espaços públicos, aproximando artistas e usuários dos parques urbanos, além de estimular a difusão das manifestações culturais. A SMA cederá os parques urbanos sob sua administração e a Cultura ficará responsável por credenciar artistas interessados em se apresentar nesses espaços. Estarão abertas inscrições para: circo, teatro, dança, música, manifestações folclóricas e da cultura popular, música, dança, literatura e poesia, lutas de exibição, inclusive capoeira, artes visuais e produção de artesanato.

Meio Ambiente – Para sensibilizar e educar a população quanto às dificuldades enfrentadas pelos primatas (a violência em razão da febre amarela é um exemplo) e propor ações para sua proteção e conservação será lançada a campanha #SOMOSPRIMATAS.  O foco da campanha são 10 espécies paulistas seriamente ameaçadas: Muriqui-do-sul, Bugio-ruivo, Mico-leão-preto, Mico-leão-da-cara-preta, Macaco-prego, Bugio-preto, Sauá ou Guigó, Sagui-da-serra-escuro, Sagui-de-tufos-pretos, Sagui-de-tufos-brancos. Na ocasião haverá também o lançamento do Guia de Observação de Primatas de São Paulo, que traz uma relação das Unidades de Conservação onde esses macacos podem ser avistados, e da 2ª edição do Passaporte Trilhas de São Paulo, com informações atualizadas sobre as trilhas nos parques do estado.

Apresentação musical – A artista Aidée Cristina e a BaseRegional fará uma apresentação no espaço. Nascida em São Paulo e vinda de família Pernambucana, Aidée Cristina, sempre esteve junto aos ritmos brasileiros como percussionista, compositora e integrante da banda Samba de Rainha. Em 2016 reuniu todas as suas influências musicais também abrangendo o baião, o carimbó, o maracatu, o xaxado, para dar corpo ao projeto intitulado AidéeCristina e aBaseRegional,  desta vez, apresentando-se como intérprete e cantora.

No repertório deste projeto, um passeio sobre o cancioneiro nacional visitando canções de ponta a ponta do país, ora cantando baiões de Luiz Gonzaga, forrós de Dominguinhos, ora trazendo canções do recôncavo baiano, de Jackson do Pandeiro, contemporâneos como Marisa Monte, Roberta Sá, Zeca Baleiro, Elba Ramalho, Carlinhos Brown e duas pinceladas de músicas autorais cheias de balanço, sempre com arranjos focados no ritmo esfuziante do Brasileiro Regional. Uma apresentação para se alegrar e dançar.

 

Onde

Campeonatos de videogame e contações de histórias nas bibliotecas em julho!

Em julho, a Biblioteca de São Paulo e a Biblioteca do Parque Villa-Lobos, instituições da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, realizam várias atividades que remetem ao Campeonato Mundial de Futebol e trazem ainda encontro com escritor, contações de histórias e até brincadeiras baseadas no Dia do Rock.

No clima das disputas em campo na Rússia, vem aí o campeonato de videogame que promete premiação e muitos gols nas salas de videogames da BSP, no dia 5/7, e na da BVL, em 8/7. A atividade acontece das 10h às 17h e, para participar, é necessário fazer inscrição no balcão de atendimento da biblioteca (as vagas são limitadas). A programação temática vai além com os pontos de troca de figurinhas, jogos e brincadeiras durante todo o mês.

Para quem gosta de contação de histórias, a equipe da Biblioteca de São Paulo prepara apresentações todas as sextas-feiras, às 15h, e, aos sábados, a atividade fica por conta dos grupos convidados: Palhaço Adão e Palhaço Manjericão (dia 7, às 16h), Paula Dugaich (dia 14, às 16h), Mirela Estelles e Amarilis Reto (dia 21, às 16h), e Cia. Sá Totonha (dia 28, às 16h). Já na Biblioteca do Parque Villa-Lobos, a contação de histórias também acontece nas sextas-feiras, às 15h, e aos domingos, às 16h, com grupos convidados: Mirela Estelles e Amarilis Reto (dia 1/7), Paula Dugaich e Manu Rodrigues (8/7), Cia. Sá Totonha (15/7), palhaços Adão e Gastão (22/7) e Cia. do Liquidificador (29/7).

No dia 8/7 é a vez do Domingo no Parque, realizado em área próxima da biblioteca no Parque da Juventude e composto por um dia inteiro de atividades: Lê no Ninho (das 11h30 às 12h15) e mais contação com Lilian Marchetti, Murilo Luz e Flora Marchetti (das 12h15 às 16h). No dia 29/7, é a vez do Parque Villa-Lobos receber contações na área próxima da BVL com a cia. Teatro Nóis na Mala, das 11h às 16h.

Lourenço Mutarelli é o escritor convidado do Segundas Intenções no dia 28/7, das 11h às 13h, no auditório da BSP, com mediação do jornalista Manuel da Costa Pinto. A trajetória de Mutarelli passa pelos quadrinhos, webséries e livros – entre eles, “O cheiro do ralo” (que deu origem a filme homônimo), “O natimorto” (também adaptado para as telas), “Miguel e os demônios” e “O grito de Abdera”. No cinema, também aparece em produções como “Cheiro do ralo” (no qual faz uma ponta como segurança), “A que horas ela volta?” (na programação do Pontos MIS de julho), “É proibido fumar”, entre outros. Já na BVL, o Segundas Intenções, bate-papo mediado pelo jornalista Manuel da Costa Pinto, recebe, em julho, o escritor Ricardo Lísias. O encontro está marcado para o dia 21/7, das 11h às 13h, na Oca, e o escritor falará sobre sua trajetória, seu processo criativo e suas obras.

Aproveitando o Dia do Rock, comemorado em 13 de julho, ambas as bibliotecas prepararam atividades relacionadas. Na BSP, o Brincando e Aprendendo traz o jogo We Will Rock You no dia 11/7, às 15h, e Pintando o Sete com criação em estêncil em homenagem ao gênero musical, no dia 12/7, às 15h. Já na BVL, o Pintando o 7 trabalha diferentes temas: criação de painel demonstrando a presença feminina no rock (dia 4/7), confecção de adesivos com o logo das bandas (dia 11/7), criação de encarte de CD sobre as origens do rock (dia 18/7) e produção de um caderno para escrever letras de música (dia 25/7). Todas as atividades na BVL acontecem às 10h30.

Com relação ao Dia do Escritor, comemorado em 25/7, as bibliotecas desafiam os frequentadores em um jogo de memória temático no Brincando e Aprendendo. A atividade acontece na biblioteca do Parque da Juventude no mesmo dia, às 15h, e na unidade do Parque Villa-Lobos no dia 20/7. Além disso, a atividade Pintando o 7 da BSP propõe a produção de tirinhas baseadas em poemas de Mário Quintana no dia 26/7.

E, ainda em julho, o Clube de Leitura, que seleciona todos os meses um livro e escritor para serem temas de debate, chega no dia 19/7, das 15h às 17h, ao auditório da Biblioteca de São Paulo com debate sobre a obra de Laura Esquivel e um de seus livros: “Como água para chocolate”. A mesma programação traz para o debate na BVL a obra “Mar de papoulas”, de Amitav Ghosh. A atividade acontece no dia 27/7, das 15h às 17h, no auditório. Não é necessário realizar inscrição para participar das atividades.

Mais informações nos sites da Biblioteca de São Paulo e no da Biblioteca Parque Villa-Lobos.

 

Visite

Mês do Futebol: confira a programação especial da #CulturaSP

Em junho, os museus, salas de concerto e bibliotecas da Secretaria da Cultura do Estado capricharam em atividades sobre dois temas: futebol e cultura russa. São jogos, exposições, oficinas e muito mais. Confira o que fazer quando o Brasil não estiver jogando a aproveite!

MUSEUS

 

O Museu do Futebol terá um mês repleto de atividades relacionadas ao campeonato. Já está em cartaz a exposição “A Primeira Estrela: o Brasil na Copa de 1958”, que conta a história da primeira conquista da seleção brasileira no mundial. Durante todo o mês, o museu também exibirá 39 jogos do campeonato em um espaço decorado especialmente para a competição. No dia 23 de junho, às 10h00, inicia-se a 1ª Feira Foot, evento gratuito que vai reunir uma feira retrô de itens de futebol, venda de memorabília, bate-papo sobre memórias do esporte e troca de artigos colecionáveis. Para fechar o mês, o 3º Arraial do Charles Miller, com entrada gratuita, vai juntar festa junina e futebol na Praça Charles Miller nos dias 30 de junho e 1º de julho (sábado e domingo).

No Museu Afro Brasil, está em cartaz a exposição “Isso É Coisa de Preto – 130 Anos da Abolição da Escravidão”, que ressalta a competência, o talento e a resistência negra nos esportes e em outros campos, como a arquitetura e as artes. Entre os jogadores homenageados na mostra estão alguns dos principais responsáveis pelas três primeiras conquistas mundiais do Brasil, como Pelé, Djalma Santos, Garrincha e Jairzinho. No acervo de longa duração, há esculturas, fotografias, ilustrações, bolas e outros objetos que contam a história do futebol brasileiro. Já na área externa, um grande painel reúne fotografias e ilustrações de Pelé, Leônidas, Chocolate, Didi, Djalma Santos, Zizinho, Garrincha, Paulo César Caju, Barbosa e Baltazar, além de uma série de caricaturas feitas pelo cartunista baiano Miécio Caffé.

O Museu de Arte Sacra vai celebrar o mundial com atividades para todas as idades no dia 16 de junho, à partir das 15h00. O público terá a oportunidade de participar de uma brincadeira sobre a relação entre os santos padroeiros e o futebol, jogar uma partida de futebol de botão ou de mini pebolim entre Brasil e Croácia e aprender o significado das camisas destes times. Para participar é necessário realizar inscrição no site http://museuartesacra.org.br.

No Museu da Imagem e do Som – MIS, a família toda vai poder aproveitar a “Maratona Infantil”, no dia 24, das 10h00 às 17h00, com atividades que envolvem o mundo do futebol e as festas juninas. Em “Intervenção Futebolando”, às 10h30, 12h30 e 14h00, dois palhaços futebolísticos vão convidar o público a praticar atividades físicas utilizando jargões do esporte. Das 10h00 às 16h00, as crianças também poderão expressar a paixão pelo esporte nas oficinas temáticas “Flipbook Bola no Gol”, para criação de livretos animados com o tema futebol, e “Compactor de Pintura”, na qual serão feitas pinturas temáticas do campeonato.

No Museu Índia Vanuíre, em Tupã, os visitantes vão curtir oficinas culturais gratuitas em todos os sábados e domingos de junho, das 9h00 às 16h00. Especialmente neste mês, as oficinas terão como tema o país sede do mundial, com a proposta de confeccionar um chaveiro em formato de matrioska, representando a colônia russa, que tem importante contribuição na identidade de Tupã.

bibliotecaS

 

Na Biblioteca Parque Villa-Lobos, em todas as sextas-feiras de junho, das 16h30 às 18h00, a atividade “Chute de Letra” oferece jogos e brincadeiras com o tema futebol. Nas sextas, sábados e domingos, de 1º de junho a 2 de julho, das 14h00 às 17h00, o espaço será ponto de troca de figurinhas para colecionadores. Nas sextas-feiras, de 1º a 22 de junho, o “Brincando e Aprendendo” terá brincadeiras temáticas. E nos dias 23 e 25 de junho, das 10h00 às 17h00, o “Festival de Jogos Antigos” disponibiliza pebolim e futebol de botão para o público. Todas as atividades são gratuitas e não é necessário realizar inscrição.

A Biblioteca de São Paulo também realiza a atividade “Chute de Letra” em todas as quintas-feiras de junho, das 16h00 às 17h30. A troca de figurinhas será nas sextas, sábados e domingos, de 1º de junho a 29 de julho, das 14h00 às 17h00, e o “Festival de Jogos Antigos” nos dias 15 e 16 de junho, das 10h00 às 17h00. No dia 17, a “Hora do Conto” será às 12h30, com a apresentação do conto russo “Formosa Vassilissa”, sobre uma menina que perdeu a mãe e ganhou uma boneca para ajudá-la a lidar com sua madrasta e irmãs postiças. No dia 20, das 15h00 às 16h00, todos poderão jogar o “Futebol de Cego”, e no dia 21, no mesmo horário, visitantes serão convidados a confeccionar bandeiras de diversos países. Todas as atividades são gratuitas e não é necessário realizar inscrição.

Quem gosta de ler encontrará nas bibliotecas diversas obras de autores russos, como “Os Demônios”, de Fiódor Dostoiévski, e livros sobre a história do futebol, como “O planeta Neymar: um perfil”, de Paulo Vinícius Coelho e “O Brasil nas Copas”, de Marcos Sérgio Silva. O catálogo e a programação das bibliotecas pode ser conferido nos sites: https://bsp.org.br e https://bvl.org.br/.

sala são paulo

 

Durante o mês, a Temporada 2018 da OSESP apresentará na Sala São Paulo diversas obras de compositores russos, como Prokofiev, Shostakovich e Tchaikovsky. Haverá Concertos Sinfônicos Osesp nos dias 21 e 22, às 20h30, e no dia 23, às 16h30, sob regência de Neil Thomson e Fabio Martino no piano. O programa inclui “Romeu e Julieta, Op.17: Romeu só – Grande Festa na Casa dos Capuletos”, de Hector Berlioz, “Peça de Concerto para Piano em fá menor, Op.79”, de Carl Maria von Weber, “Fantasia Brasileira nº 4”, de Francisco Mignone e “Romeu e Julieta – Abertura-fantasia”, de Pyotr Il’yich Tchaikovsky.

E no dia 24, às 19h00, o Coro da Osesp se apresenta sob a regência de Valentina Peleggi, com “Crucifixus pro nobis, Op.38: Drop, drop, slow tears”, de Kenneth Leighton, “Concerto para Coro: Ó mestre de tudo o que vive”, de Alfred Schnittke, “Miserere Mei, Deus”, de Gregorio Allegri, “Miserere, Op.44: Miserere nobis” e “Totus Tuus, Op.60”, de Henryk Górecki e “Canção para Atena”, de John Tavener.

Os ingressos para os concertos estão à venda no site https://www.ingressorapido.com.br

Quem visitar a Sala São Paulo pode aproveitar para conferir os livros, CDs e DVDs de autores e artistas russos disponíveis na Loja Clássicos, localizada dentro do prédio da Sala. Entre os CDs, é possível encontrar a gravação da Osesp sob regência de Marin Alsop das Sinfonias de Serguei Prokofiev. Na seção de livros, encontram-se “Crime e castigo”, de Fiódor Dostoiévski e “Anna Karenina”, de Liev Tolstói. Nos DVDs, uma ampla seleção de filmes russos, como o clássico “Alexander Nevsky”, de Serguei Eisenstein, “Dersu Uzala”, de Akira Kurosawa, e “Arca Russa”, de Aleksándr Sokúrov.

fábricas de cultura

 

As Fábricas de Cultura Jaçanã e Vila Nova Cachoeirinha, na Zona Norte, realizam diversas atividades gratuitas sobre futebol e cultura russa no mês de junho.

No dia 27, às 15h00, na unidade do Jaçanã, acontece o bate-papo “O mundial e você: protagonismo negro e marcos históricos”, em que os participantes terão oportunidade de conhecer a história de jogadores e jogadoras de futebol negros – Marta, Formiga, Cafu, Pelé, entre outros. Em seguida, será proposta uma oficina de estêncil para produzir cartazes com a história desses esportistas.

Na Fábrica Vila Nova Cachoeirinha, a instalação “Bandeiras dos países participantes do mundial de 2018” reúne as bandeiras dos 32 países que participam da disputa, de 5 a 30 de junho. A exposição “Diversidade Futebol Clube – No nosso time joga todo mundo” fica em cartaz na unidade de 8 a 30 de junho. A mostra traz fotografias de Roberto Setton, que registrou entre 2008 e 2012 o “Futebol das Drags”, evento de aniversário da boate Blue Space com um jogo de futebol entre drag queens e funcionários nas ruas da Barra Funda (SP). Encerrando a programação, entre 16 e 30 de junho, será exibida a “Homenagem a Mário Américo”, uma mostra de fotografias do ex-massagista da Seleção Brasileira, que acompanhou sete campeonatos mundiais, entre 1950 e 1974.

oficinas culturais

 

A Oficina Cultural Oswald de Andrade vai unir o teatro e o futebol em uma programação gratuita especial. Entre os dias 14 de junho e 19 de julho, às terças e quintas-feiras, às 18h30, o público poderá participar da oficina “Lendo o Jogo” e criar uma cena dramática, ficcional ou informativa, envolvendo teatro e futebol. As inscrições para as atividades devem ser realizadas no site: http://www.oficinasculturais.org.br/oswald-de-andrade.

são paulo companhia de dança

 

A São Paulo Companhia de Dança realiza performance em meio a uma exposição com bonecas de 2,60 de altura por 1,35 de largura, pintadas por artistas brasileiros como Albertina Prates, Simone Michielin, Elisa Vieira Queiroz, Maramgoni, Thuany Kolbach e Wagner da Silva. As apresentações serão nos dias 15, às 12h00, e no dia 16, às 16h00 e às 19h00.

O repertório será formado por Fada do Amor (1993), de Márcia Haydée e Pivô (2016), de Fabiano Lima. Fada do Amor, de Marcia Haydée, une a energia e a delicadeza do amor da fada pelo ser humano. Já Pivô, de Fabiano Lima, faz referência ao basquete, ao hip hop e à dança contemporânea, e traz para a cena o ambiente brasileiro, por meio de sonoridades conhecidas.

A exposição fica em cartaz no Átrio do Shopping Morumbi, na zona sul de São Paulo, no período de 15 de junho a 15 de julho, e reúne réplicas das chamadas Matrioshkas Gigantes, símbolos da Rússia que representam família, felicidade e boa sorte.

Contação de histórias na #CulturaSP: curso, encontro e mais!

Seja para explicar mais sobre uma exposição, ou para introduzir as crianças no incrível universo literário, as contações de histórias são destaques na programação fixa dos espaços da Secretaria da Cultura do Estado. A atividade, que pode ser apreciada por pessoas de todas as idades e gostos, ganha no mês de maio uma programação especial. Confira:

Curso gratuito na Casa das Rosas

 

A Casa das Rosas recebe, em maio, um curso gratuito de contação de histórias realizado pela Arte Despertar! As inscrições já estão abertas, e podem ser feitas aqui. O curso, que começa no dia 3/6, apresentará fundamentos, técnicas e benefícios de se trabalhar a narrativa oral, assim como a relevância da contação de histórias para o autoconhecimento e o desenvolvimento de competências e habilidades. O conteúdo programático abordará os vários tipos de histórias – como lendas, mitos, fábulas, história de origem, contos de fadas, entre outros; a relação com a música; abordagens para se contar uma história; técnicas de interpretação, oralidade e improvisação; e o papel do narrador de história ao longo da história universal.

Saiba mais aqui.

Encontro Internacional de Contadores de Histórias

 

Para quem já é contador de histórias, a Oficina Cultura Oswald de Andrade recebe o 8º Encontro Internacional Boca do Céu de Contadores de Histórias, que promove um espaço de reflexão, criação e ação cultural, focalizando a arte da palavra, que ao longo da história foi, e ainda é, explorada na forma de narrativas orais. As atividades, que são livres e abertas ao público, vão de 22 a 26/5, sempre das 9h às 18h30. Além da Oficina Oswald de Andrade, entre os dias 22 e 25/5, o Encontro Internacional Boca do Céu de Contadores de Histórias também terá ações complementares na Fábricas de Cultura das regiões Norte e Sul.

A programação completa está aqui.

Hora do Conto nas Bibliotecas

 

Semanalmente, as Bibliotecas de São Paulo e do Parque Villa-Lobos promovem a Hora do Conto, sessões gratuitas de contação de histórias. Realizada por companhias e artistas convidados, o objetivo é despertar o hábito da leitura, fomentar a criatividade e exercitar o lado lúdico do público.

No mês de maio, a atividade será realizada às sextas-feiras, a partir das 15h, e aos sábados e domingos, às 16h.  Este mês a contação terá a participação dos grupos Arte Negus, Cia. do Tok Tok, Grupo Mãos de Fada, Trupe Pitirilo, Núcleo Educatho, entre outros, além dos contadores Paula Dugaich, Mirela Estelles e Amarilis Reto. Nos dias 20, na Biblioteca de São Paulo, e 26, na Biblioteca Parque Villa-Lobos, a contação será realizada com interpretação em Libras.

A programação completa está aqui e aqui.

“Viagem Gastronômica” de maio homenageia as mães

As mamães serão as grandes homenageadas da edição de maio do programa “Viagens Gastronômicas”, que será realizado no dia 26/5, das 15h30 às 17h, na Biblioteca de São Paulo! Dessa vez, a inspiração vem de Ana Terra, personagem do primeiro volume da consagrada trilogia “O tempo e o vento”, de Érico Veríssimo. A partir da trajetória da mulher que luta para conseguir o próprio sustento nas lavouras dos Pampas junto ao seu filho, e encontra coragem para seguir em frente, sem perder a esperança, o leitor se depara com ingredientes das colheitas que dão um sabor especial às refeições preparadas pelo povo gaúcho.

Os participantes aprenderão as receitas dos pratos abóbora com charque e bolo ninhos de pêssego, e, ao final, terão a oportunidade de degustar. A atividade será ministrada por Dolores Freixa, historiadora, guia de turismo cultural, professora de História da Gastronomia e escritora de livros sobre cultura gastronômica – é co-autora do livro Expedição Brasil Gastronômico, que ganhou o Prêmio Jabuti em 2014 – e Solange Aparecida Barbosa Botura, professora de Técnicas de Cozinha, Eventos Gastronômicos e Cozinha Brasileira.

“A ideia é estimular o público a pensar na vida dos personagens dos livros: como se alimentam, como é a gastronomia da cidade onde é ambientada a história, como são os costumes. É pensar na gastronomia também como cultura”, explica Dolores. “A atividade faz parte desse conceito de ‘biblioteca viva’, que vai além do empréstimo de livros. Ela se torna um espaço de cidadania, serviços, programação para todos os públicos”, afirma Silvia Antibas, Coordenadora da Unidade de Difusão Cultural, Bibliotecas e Leitura da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. “A literatura traz uma herança cultural para compartilhar. E a biblioteca é o espaço onde a discussão sobre o tema deve acontecer. Afinal, a biblioteca é muito mais do que um lugar de livros”, complementa Pierre André Ruprecht, diretor executivo da SP Leituras, organização social que faz a gestão da Biblioteca.

Receitas

Abóbora com Charque

Bolo Ninhos de Pêssego

Ingredientes

2 colheres (sopa) de óleo

1 cebola cortada em cubos pequenos

6 dentes de alho amassados

1 pimentão verde pequeno cortado em cubos

4 tomates sem pele, sem sementes picados em cubos pequenos

1 kg de carne seca cortada em cubos, dessalgada e cozida

1 kg de abóbora cabotiá cortada em cubos médios

2 colheres (sopa) de cebolinha picada

2 colheres (sopa) de salsa picada   

Sal, se necessário

Pimenta do reino a gosto

 

Modo de Preparo

Numa panela, coloque o óleo e doure levemente a cebola e o alho. Junte o pimentão, os tomates, a pimenta do reino e a carne seca. Acerte o sal. Refogue e acrescente água quente aos poucos até que tudo esteja cozido e um molho se formar na panela. Coloque a abóbora e deixe cozinhar até ficar macia sem desmanchar.

Ingredientes

6 ovos

3 xícaras de chá de farinha de trigo

3 xícaras de chá de açúcar

12 colheres de sopa de água

1 colher de sopa de fermento em pó

1 lata de leite condensado

1 pacote de coco ralado em flocos

1 lata de pêssegos em calda

 

Modo de Preparo

Bater as claras em neve. Na batedeira colocar as gemas e bater com a água até dobrar o volume, acrescentar o açúcar e bater até ficar bem cremoso. Adicionar a farinha aos poucos batendo sempre até a massa formar bolhas que estouram. Acrescente o fermento só misturando. Acrescentar as claras à massa, mexendo lentamente até ficar tudo incorporado. Levar ao forno pré-aquecido em assadeira untada e polvilhada com farinha por aproximadamente 40 minutos ou até ao teste do palito. Desenformar e deixar esfriar. Recortar o bolo com um cortador de mais ou menos 5 cm de diâmetro. Umedecer com o leite condensado, passando também nas laterais. Passe os bolinhos no coco em flocos ralado e enfeite cada um com uma metade de pêssego em calda escorrido.

Como participar?

 

Os interessados não precisam fazer inscrição prévia. Basta comparecer no dia. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada, portanto, não deixe para a última hora!

 

Visite

Cultura e gastronomia: BSP oferece programação recheada em maio

Bibliotecas muitas vezes carregam uma imagem de locais calmos, parados e extremamente silenciosos, mas algumas delas, para atrair os visitantes, adotam estratégia diferente. A Biblioteca de São Paulo, por exemplo, “pensa fora da caixa” e traz, mês após mês, uma programação recheada de atividades para todas as idades. E em maio, a instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo está exatamente assim. Confira:

Para matar a fome de literatura, a Oficina Viagem Gastronômica deste mês é inspirada no livro “Ana Terra”, de Érico Veríssimo. A personagem, de mesmo nome, batalha para se sustentar nas lavouras dos Pampas, justamente de onde vem os ingredientes para inspirar as receitas das oficinas. Que tal uma “abóbora com charque” e “bolo ninho de pêssego”? Quem participar do curso, que acontece no dia 26, sábado, às 15h30 irá receber dicas de como preparar os pratos, além de, claro, degustar essas iguarias.

Por falar em água na boca, a BSP oferece em 29 e 30 de maio o “Curso Festival de Trufas”, uma oportunidade única para quem busca empreender. Quem ensina a fazer o doce é a chef confeiteira Danielle Trolezi. Para complementar o curso prático, outras duas oficinas, “Começar bem: formalização” e “Fluxo de caixa” serão realizadas nos dias 29 e 30, respectivamente.

Projeto mensal da BSP, o Segundas Intenções recebe, neste mês, o escritor João Silvério Trevisan para uma conversa de alto nível com o público, com mediação do jornalista Manuel da Costa Pinto. O vencedor do Prêmio Jabuti e do Prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Artes (APCA) falará sobre, entre outras coisas, seu maius recente romance, “Rei do Cheiro” (Editora Record). O encontro está marcado para o dia 26 de maio, sábado, às 11h00, no auditório.

Além das iniciativas próprias, a BSP prestigia eventos que vêm de fora, como o Dia do Desafio, em 30 de maio. A ação conta com a equipe Game e Art, e promoverá jogos virtuais chamados exergames, que simulam esportes e práticas corporais. Já no dia 20 de maio, é a vez da BSP marcar presença na Virada Cultural, que visa promover, durante 24 horas, eventos culturais pela cidade.

Mais informações sobre a BSP no site: http://bsp.org.br