Portal do Governo | Investe SP | Cidadão SP | Internacional
Governo do Estado de São Paulo
Secretaria da Cultura
Home
A Secretaria
Assessoria de Gêneros e Etnias
Bibliotecas e Leitura
Canal de Atendimento
Centros Culturais
Comunicação
Condephaat
Corpos Artísticos
Festivais, Mostras e Eventos
Formação Cultural
Incentivo à Cultura e Prêmios
Museus
Programas e Projetos
Programas em Rede
Sistemas Estaduais
Teatros, Auditórios e Salas de Espetáculo
Notícias

São Paulo Sem Fronteiras

Com o objetivo de integrar as pessoas e a cidade por meio da arte, o Conexão Cultural São Paulo reúne exposição, feira de artesanato, música e gastronomia. O tema da nona edição do projeto, que acontece no dia 25 de janeiro, é São Paulo Sem Fronteiras. O evento será composto por artistas refugiados de diversos países árabes, do Congo, Haiti e Senegal

Nos últimos quarto anos e meio, o número de refugiados no Brasil quase dobrou - de 4.218 em 2011 para 8.400 até agosto de 2015, segundo dados divulgado pelo Ministério da Justiça. Os conflitos armados e governos totalitários são as principais causas destes movimentos migratórios. Atualmente, o Brasil apresenta-se como alternativa para muitas pessoas na busca por refugio.

Com o objetivo de contribuir para a inserção dos refugiados na cidades de São Paulo por meio da arte, o Conexão Cultural São Paulo e o MIS, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, irão reunir chefs, músicos, oficineiros, dançarinos, artistas plásticos (provenientes do Haiti, Congo, Togo e de países árabes) de maneira interativa e criativa, comemorar o aniversário da cidade e a inclusão de novas culturas para a cidade de São Paulo.
Confira, a seguir, a programação completa do Conexão Cultural São Paulo:


Exposição: Refugiados Eu Me Importo
12h às 22h | 25.01 a 31.01 – Foyer
Com o intuito de sensibilizar brasileiros e aproximá-los das pessoas que se refugiam no país, o Grupo de Refugiados e Imigrantes Sem Teto de São Paulo (GRIST) criou a campanha “Refugiados Eu Me Importo”. A partir desta ação criamos a convocatória “#conexaomis, refugiados eu me importo”. Por meio do aplicativo instagram, selecionaremos as melhores fotos que “abraçam a cultura” dos refugiados na cidade.


Espetáculo: SOMOS CROMOSSOMOS
13h às 14h | Área Externa
O espetáculo “Somos Cromossomos” foi criado por um grupo de artistas de diferentes nacionalidades na Espanha especialmente para uma expedição aos campos de refugiados saarauís – do Saara Ocidental – no país africano. O show foi apresentado em campos de refugiados na Argélia, em 2014. De volta ao Brasil, os integrantes brasileiros da Cia. Cromossomos remontaram o espetáculo, que conta a história de seis palhaços desorientados reunidos depois de uma viagem pelo mundo. A peça reúne comédia, música, percussão corporal, dança, marionete e poesias, com orientação artística do palhaço e ator brasileiro Esio Magalhães.


OFICINAS

Caligrafia árabe
13h às 15h| Foyer Auditório LABMIS

A oficina tem como objetivo explicar a importância do alfabeto árabe, o segundo mais utilizado no mundo; propiciar aos participantes a oportunidade de conhecer uma das mais belas caligrafias que existem. A oficina é composta de duas partes: a) uma breve introdução teórica com apresentação de imagens, materiais visuais e estilos da caligrafia; b) experimentação prática com a introdução das quatro primeiras letras do alfabeto árabe e palavras que podem ser formadas.


Turbantes Africanos
15h às 16h | Foyer
Mulheres do Congo realizarão uma oficina cujo objetivo é valorizar o uso de turbantes  em mulheres, homens e crianças, desmitificando qualquer preconceito que se tenha sob o uso desse acessório. A proposta é ensinar a fazer turbantes ornamentais que compõem o figurino de mulheres africanas de vários países.


Dança Africana
17h às 18h| Foyer
Aula de dança típica Africana.


Animação  
17h às 20h | Sala de Workshop
Quer aprender a utilizar o Photoshop e After Effects de forma divertida? Refugiado palestino ministra workshop de fotografia e animação utilizando recursos de criação em design gráfico. Baseado na composição e decomposição de imagens, os participantes utilizarão o Photoshop e o After Effects para criar animações de forma irreverente. Totalmente interativo, este workshop de fotografia e animação apresentará soluções incríveis. A atividade será ministrada por Salim H. Mhanna. Formado em antropologia visual pela Faculdade de Belas Artes na Universidade de Damasco, possui mais de 15 anos de experiência na produção e elaboração de obras audiovisuais (séries, filmes, documentários), edição, efeitos visuais e design gráfico na Síria e em Dubai. (máximo 20 pessoas)


CINEMA

19h | Auditório MIS
PREVIEW:  "Era o Hotel Cambridge"
“Era o Hotel Cambridge” narra a trajetória inusitada de um grupo de refugiados recém-chegados ao Brasil que se unem aos “sem-teto” e dividem a ocupação de um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Na tensão diária pela ameaça do despejo, revelam-se dramas, situações cômicas e diferentes visões de mundo.
Uma criação coletiva entre MSTC (Movimento Sem Teto do Centro; GRIST (Grupo Refugiados e Imigrantes Sem Teto) e Escola da Cidade - direção: Eliane Caffé / Produção: Aurora Filmes e Tu Va Voir)- lançamento 2º semestre de 2016
Direção do teaser: Sandro Kakabadze


Filme Samba
Samba (Omar Sy) é um imigrante do Senegal que vive há 10 anos na França e, desde então, tem se mantido no novo país às custas de empregos pequenos. Alice (Charlotte Gainsbourg), por sua vez, é uma executiva experiente que tem sofrido com estafa devido ao seu trabalho estressante. Enquanto ele faz o possível para conseguir os documentos necessários para arrumar um emprego digno, ela tenta recolocar a saúde e a vida pessoal no trilho, cabendo ao destino determinar se eles estarão juntos nessa busca em comum.


FEIRA ARTESANAL

12h às 22h | Área Externa
- Tecidos africanos
- Artesanatos africanos variados
- Livros Publicações  BibliASPA
- Camisetas personalizadas com caligrafia árabe
- Ecobags personalizadas com caligrafia árabe
- Olho turco com tapete sírio (para decoração)
- Keffieh lenços palestinos
- Perfumes Árabes – FlorÁrabe
- Artista fazendo henna (estilos típicos dos emirados árabes)
- Papiros do Egito
- Outros


MÚSICA

14h | Área Externa
BibliASPA Musical (Países Árabes)
Dedicada a temas Árabes, Africanos e Sul-Americanos nas áreas de educação e cultura, a ONG  BibliASPA também oferece curso de português para refugiados de inúmeras nacionalidades,  e  então reuniu estudantes árabes com conhecimento musical e foi formando este grupo com o objetivo de integrá-los e  expandir a expressão cultural dos países árabes e assim promover trocas culturais e reflexão crítica.

16h | Área Externa
Grupo Ndiguel (Senegal)
Formado em 2010, no Senegal, o Grupo Ndiguel tem estilo folclórico e com base na percussão. Após ter conquistado um importante concurso senegalês “Oscar férias” em 2012, alguns dos integrantes decidiram vir para o Brasil com o intuito de expandir a cultura senegalesa uma vez que tinham conhecimento da paixão do brasileiro pela música afro. Em São Paulo, o grupo também atua em atividades no SESC, ministra aulas de percussão, faz apresentações musicais e outros.

18h | Área Externa
CRISTAL CONGO MUSIC  (R.D. do Congo)
Criada em meados de 2012, a Afreeka mistura o som dos metais com o toque melódico da musica popular Africana, levando para seus shows grandes hits das rádios do continente. A banda é formada por 11 músicos de diferentes nacionalidades que trazem, por meio da música e da dança, a luta para defender e preservar a cultura Africana no Brasil.

20h | Área Externa
Haiti - Satellite Musique - O Satellite Musique explora estilo musical mais popular do Haiti, o compas. Nascido há pouco mais de um ano, a banda é formada por 12 músicos nascidos no país centro Americano, mas se conheceram no Brasil. O Satellite já se apresenta em eventos comemorativos e diversos bares de São Paulo, ganhando destaque na cena cultural haitiana.


GASTRONOMIA
Deliciosas especiarias da culinária árabe, prato doce e salgado típico do Haiti e saborosos pratos africanos compõe a feirinha gastronômica do Conexão Sem Fronteiras.  



CONEXÃO CULTURAL SÃO PAULO | 25.01.2016
12h às 22h | Exposição | Refugiados Eu Me Importo  
12h às 22h | Artesanato| Feira com roupas, ilustrações, perfumes, etc.
12h às 22h | Gastronomia| Feirinha Gastronômica com comidas árabes, africanas e do Haiti.
13h às 14h | Espetáculo: Somos Cromossomos
13h às 15h | Oficina| Caligrafia árabe
15h às 16h | Oficina| Turbante
17h às 18h | Oficina| Dança Africana
17h às 20h | Oficina| Animação
19h | Cinema| Teaser: Era o Hotel Cambridge + Filme: Samba  
14h | Música | BibliASPA Musical (Países Árabes)
16h | Música | Grupo Ndiguel (Senegal)
18h | Música | CRISTAL CONGO MUSIC  (R.D. do Congo)
20h | Música | Satellite Musique (Haiti)
 

Museu da Imagem e do Som - MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo| (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br
Estacionamento conveniado: R$ 10. Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.


 

Fonte: Assessoria de imprensa da São Paulo Companhia de Dança
Data: 25/01/2016
A Secretaria Localização | Créditos | Página Inicial | Ouvidoria | Fale Conosco | Mapa do Site

Telefone: 11 3339-8000 - www.cultura.sp.gov.br
© 2006 - 2014. Secretaria de Estado da Cultura. Todos os direitos reservados.