HomeAssessoria ReleasesMúsica, artes cênicas e literatura compõem o Mês das Crianças das Fábricas de Cultura

Música, artes cênicas e literatura compõem o Mês das Crianças das Fábricas de Cultura

Programação integrada das unidades da zona norte e sul de São Paulo, bem como Diadema, é totalmente gratuita

No mês de outubro, as Fábricas de Cultura Brasilândia, Capão Redondo, Diadema, Jaçanã, Jardim São Luís e Vila Nova Cachoeirinha promovem uma programação on-line especial voltada para o público infantil. Não é preciso se inscrever para assistir e interagir com as apresentações gratuitas pelas redes sociais do programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, e gerenciado pela Poiesis. 

As diferentes mudanças causadas pelo isolamento social devido à pandemia da Covid-19 e como esse ambiente é absorvido pelas crianças serão assuntos presentes na música “Vou abraçar você”, de Moshood Balogun, 9 anos,  aprendiz da Fábrica de Cultura Diadema e que compôs a canção em parceria com o músico Netão. Moshood também falará sobre a saudade dos familiares, dos amigos e como adaptou os costumes da religião muçulmana para continuar essa prática islâmica em casa. Chamada A quarentena da perspectiva de uma criança, a apresentação via YouTube de Fábricas de Cultura está agendada para o Dia das Crianças, 12 de outubro, segunda-feira, às 16h. 

Outra atração realizada pelas Fábricas de Cultura para esse período é o Festival Pequenos Grandes Artistas, que convida atores com trajetórias marcantes nas produções audiovisuais voltadas para o público infantil. As conversas serão pelo IGTV/ Instagram. No dia 14 de outubro, quarta-feira, às 14h30, o ator Kaik Pereira irá conversar sobre os caminhos profissionais que levaram a interpretação de papéis como Neco, personagem do seriado televisivo “Chiquititas”, o personagem Jorge da telenovela “Escola de Gênios”, entre outras séries, novelas e filmes.

No dia 22 de outubro, quinta-feira, às 18h, é a vez da atriz e dubladora Fernanda Ribeiro ter um bate-papo pelo Festival Pequenos Grandes Artistas. Quer saber um pouco mais sobre vozes que você conhece do cinema, seriados e desenhos? No encontro também via IGTV/ Instagram, Fernanda contará sobre a experiência na TV, quando interpretou a personagem Milena na telenovela “Rebeldes”, quando deu voz aos personagens Charlotte no desenho estadunidense “A Princesa e o Sapo”, ao Yuri em “Meu amigãozão”, Darla em “Procurando Nemo”, Mia do seriado “Diário de Horrores” da plataforma Netflix e muitos outros.

Para o público ficar por dentro das adaptações audiovisuais infantis frente ao período da pandemia, o projeto Na companhia de Híbrida com Pequenos Artistas será apresentado no dia 15 de outubro, quinta-feira, às 14h, via IGTV/ Instagram. O objetivo da ação é apresentar entrevistas com crianças que já atuam nas artes cênicas para que expliquem como vem sendo a dinâmica dessas atividades.

A arte circense também tem espaço no mês das crianças. Como será que um palhaço acorda? Como será que ele se prepara para suas apresentações? Essas e outras questões serão apresentadas Nos bastidores da lona no dia 16 de outubro, sexta-feira, a partir das 16h. Pelo Facebook, a apresentação mostrará as brincadeiras e a cooperação dos palhaços em não deixar o circo falir. 

A contação de história “Ver de outras maneiras”, no dia 17 de outubro, sábado, às 15h, pelo YouTube, trará o tema da deficiência de forma lúdica e sensível. O conto é baseado no livro “Rodrigo enxerga tudo”, de Markiano C. Filho, por onde é narrada a história de um menino com deficiência visual que mostra aos colegas de escola como não há nada de errado em ser diferente. Por não enxergar, ele coloca em debate outras possibilidades de ver as coisas, além de lembrar que todos possuem talentos e obstáculos. 

Por meio da contação de história “Os sonho do rei”, um conto indiano que leva o público a refletir sobre o comportamento humano, valores e princípios que podemos aprender para construir um mundo melhor, a palhaça Trancinha apresentará atividade pelo Facebook das Fábricas de Cultura. A história, que também é adaptada do livro indiano “Oceano do Rio de Contos”, será apresentada no dia 24 de outubro, sábado, às 16h. 

A literatura infantil será praticada pelo Sarau do Capão “só para baixinhos” no dia 24 de outubro, sábado, entre 18h e 19h, via Facebook. Os caminhos que a poesia toma para chegar às crianças e a cultura poética das escolas serão abordados para identificar como esse público conquista repertórios de arte e cultura desde que se imagina em diversos espaços a partir da leitura. 

Para finalizar o mês das crianças, Fábricas de Cultura convida o grupo Jequitiranaboia que irá apresentar músicas para a faixa infantil de dois a 10 anos de idade como recurso educativo e de entretenimento, para difundir a diversão cultural e a representação simbólica da nossa cultura popular. Canções e letras com temas relacionados ao meio ambiente, aos mitos e ao folclore formam o repertório do show virtual que ocorrerá pelo YouTube no dia 31 de outubro, sábado, às 18h. 

Para mais informações sobre a programação completa de Fábricas de Cultura, acesse http://poiesis.org.br/maiscultura/

SERVIÇO

PROGRAMAÇÃO – MÊS DAS CRIANÇAS

Toda a programação é gratuita. Confira:

A QUARENTENA DA PERSPECTIVA DE UMA CRIANÇA COM MOSHOOD BALOGUN
Música
12/10 – segunda-feira – 16h às 16h30
Plataforma: YouTube

FESTIVAL PEQUENO GRANDES ARTISTAS COM KAIK PEREIRA
Cinema
14/10 – quarta-feira – às 14h30
Plataforma: IGTV/ Instagram

FESTIVAL PEQUENOS GRANDES ARTISTAS COM FERNANDA RIBEIRO
Cinema
22/10 – quinta-feira – 18h às 18h30
Plataforma: IGTV/ Instagram

NA COMPANHIA DE HÍBRIDA COM PEQUENOS ARTISTAS
Vídeo
15/10 – quinta-feira – 14h
Plataforma: IGTV/ Instagram

NOS BASTIDORES DA LONA
Teatro
16/10 – sexta-feira – 16h às 16h30
Plataforma: Facebook

CONTAÇÃO DE HISTÓRIA “VER DE OUTRAS MANEIRAS”
Teatro
17/10 – sábado – 15h
Plataforma: YouTube 

CONTAÇÃO DE HISTÓRIA “OS SONHOS DO REI” COM A PALHAÇA TRANCINHA
Teatro
Dia 24/10 – sábado – 16h
Plataforma: Facebook

SARAU DO CAPÃO “SÓ PARA BAIXINHOS”
Literatura
24/10 – sábado – 18h às 19h
Plataforma: Facebook

GRUPO JEQUITIRANABOIA
Música
31/10 – sábado às 18h
Plataforma: YouTube
—-

Fábrica de Cultura Brasilândia

Avenida General Penha Brasil, 2508  | Telefone: (11) 3859-2300

Fábrica de Cultura Capão Redondo

Rua Bacia de São Francisco, s/n | Telefone: (11) 5822-5240

Fábrica de Cultura Diadema 

Rua Vereador Gustavo Sonnewend Netto, 135 – Centro – Diadema/SP | Telefone: (11) 4061-3180

Fábrica de Cultura Jaçanã

Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138 | Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360 | Telefone: (11) 2249-8010

Fábrica de Cultura Jardim São Luís

Rua Antônio Ramos Rosa, 651 | Telefone: (11) 5510-5530

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha

Rua Franklin do Amaral, 1575 | Telefone: (11) 2233-9270

Acessibilidade: as Fábricas de Cultura Vila Nova Cachoeirinha, Brasilândia, Jaçanã, Capão Redondo, Jardim São Luís e Diadema oferecem rampa de acesso para pessoas com mobilidade reduzida, elevador, sanitários acessíveis, piso táctil, equipamentos que permitem a leitura para pessoas com deficiência visual e motora, impressoras braile, leitor de audiobooks e acervo com mais de 110 exemplares em braille (livros e áudio-books). 

www.fabricasdecultura.org.br | E-mail: contato@fabricasdecultura.org.br 

Funcionamento das unidades: de terça a sexta-feira, das 9h às 20h, e finais de semana e feriados das 12h às 17h

Devido à pandemia da Covid-19, toda a programação vem ocorrendo de forma on-line/ à distância.
Toda a programação é gratuita e pode ser conferida em http://poiesis.org.br/maiscultura/.

SOBRE AS FÁBRICAS DE CULTURA

As Fábricas de Cultura são espaços de acesso gratuito que disponibilizam diversas atividades artísticas. Criadas com o objetivo de ampliar o conhecimento cultural por meio da interação com a comunidade, as Fábricas oferecem uma programação cultural diversificada. Nas unidades você encontrará cursos, atividades, bibliotecas e estúdios de gravação. Em 2020, o Programa Fábricas de Cultura – instituições da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, gerenciadas pela Poiesis – conta com o patrocínio do Instituto Center Norte por meio da Lei Rouanet. O apoio contribui para a realização de atividades de formação e difusão cultural.

SOBRE A POIESIS

A Poiesis – Organização Social de Cultura é uma organização social que desenvolve e gere programas e projetos, além de pesquisas e espaços culturais, museológicos e educacionais, voltados para a formação complementar de estudantes e do público em geral. A instituição trabalha com o propósito de propiciar espaços de acesso democrático ao conhecimento, de estímulo à criação artística e intelectual e de difusão da língua e da literatura.

Compartilhe!