secretaria da cultura do estado de são paulo

Férias de janeiro é no Museu Afro Brasil

Publicado em 10 de janeiro de 2018

Programação especial traz brincadeiras tradicionais congolesas, visitas temáticas e encontro literário

O Museu Afro Brasil, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em parceria com a Associação Museu Afro Brasil – organização social de cultura, preparou uma programação especial de férias para o mês de janeiro dedicada, especialmente, aos pequenos visitantes, que poderão se aproximar das exposições a partir de brincadeiras, jogos e oficinas. As atividades têm início no próximo dia 16 e se estendem até o dia 27 de janeiro de 2018.

A programação especial de férias começa com o encontro Brincadeiras do Congo, no dia 16. Voltada principalmente ao público infanto-juvenil e comandada pelo educador congolês Wasawulua Daniel, a atividade apresenta histórias e brincadeiras originárias da República Democrática do Congo, ensinando danças e canções em língala e outras línguas da região. A ação é uma excelente oportunidade para aprender mais sobre a diversidade do continente africano e suas memórias.

Brincadeiras do Congo acontece entre os dias 16 e 26 de janeiro (de terça a sexta-feira), em dois horários diferentes ao longo do dia, às 11h30 e 15h30.

Ainda no mês de janeiro, em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo, o Museu Afro Brasil promove, nos dias 23 e 24, sempre às 11h30, a visita temática “Passados Presentes: A presença negra em São Paulo”.

Durante a atividade, o visitante conhecerá uma São Paulo muitas vezes deixada ao largo. Trata-se dos rostos fotografados por Militão Augusto de Azevedo, dos grandes mestres relembrados por Wagner Celestino, das irmandades religiosas, das edições da imprensa negra, da vida de Luiz Gama e dos eventos marcantes da nossa história apresentados pela ótica da população negra paulistana.

Finalizando a programação especial de férias, no dia 27 de janeiro acontece o encontro Aos pés do Baobá, a partir das 11h00. Durante este evento de contação de histórias e mediação de leitura, os visitantes terão oportunidade de conhecer narrativas africanas ou afro-brasileiras e, em seguida, participar de um bate-papo conduzido por integrantes do Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil.

Algumas das atividades requerem inscrição prévia. Em todos os encontros recomenda-se chegar com 15 minutos de antecedência do horário programado e procurar o setor de acolhimento do Museu Afro Brasil. As vagas serão ofertadas de acordo com o horário de inscrição ou chegada. Após o início da atividade, não será permitida a entrada.

Aproveite ainda sua visita e dê uma olhada nas nossas exposições temporárias: “Barroco Ardente e Sincrético – Luso-Afro-Brasileiro” e “Design e Tecnologia no Tempo da Escravidão”.

SERVIÇO

Brincadeiras do Congo

De 16 a 26 de janeiro (durante a semana), às 11h30 e às 15h30

Realização da atividade sujeita ao número mínimo de participantes: de 10 a 20 participantes por sessão.

Inscrições: chegar com 15min de antecedência.

Duração: 40 min.

Visita temática “Passados Presentes: A presença negra em São Paulo” (Aniversário da Cidade de São Paulo)

Dias 23 de janeiro (terça), às 13h30, e 24 de janeiro (quarta), às 11h30

Realização da atividade sujeita ao número mínimo de participantes: de 5 a 20 participantes

Inscrições no site – www.museuafrobrasil.org.br, em Programação – Ações Educativas

Duração: 40 min.

Público-alvo: livre.

Aos pés do Baobá

Dia 27 de janeiro (sábado), às 11h00

Inscrições no site www.museuafrobrasil.org.br, em Programação – Ações Educativas

Duração: 1h.

Atividade gratuita.

Público-alvo: livre.

Exposições temporárias:

 “Barroco Ardente e Sincrético – Luso-Afro-Brasileiro

Até 4 de março de 2018

“Design e Tecnologia no Tempo da Escravidão”

Até 4 de março de 2018

Museu Afro Brasil

Av. Pedro Álvares Cabral, s/n

Parque Ibirapuera – Portão 10 (acesso pelo portão 3)

São Paulo / SP – 04094 050

Fone: 55 11 3320-8900

www.museuafrobrasil.org.br

Horário de funcionamento: de terça-feira a domingo, das 10h às 17h, com permanência até as 18hs.

Ingressos: R$ 6 – Entrada gratuita aos sábados. Confira nossa política de gratuidade e meia entrada no site da instituição.

App Museu Afro Brasil disponível para IOS e Android, com download gratuito na Google Play e App Store.

Compartilhe!